Business Start for Foreing
Abertura de Empresas no Brasil por Estrangeiros
17 de novembro de 2014
Como Sobreviver à Crise Econômica
29 de Abril de 2016
Show all

Dicas para Pequenos Negócios

Em tempos de crise, todo cuidado é pouco. Pequenos negócios normalmente já são o elo mais fraco da corrente do mercado, e na situação econômica atual, podem sofrer ainda mais caso medidas, as vezes drásticas, não sejam tomadas.

Veja como consolidar a fundação da sua empresa com estas dicas para pequenos negócios que, mesmo parecendo clichês, surpreendentemente muitos negócios ainda não colocaram em prática.

Planejamento

O plano de negócio é o seu ponto de partida. É a formalização da sua idéia e, mais importante, COMO ela pode dar certo.

Para muitos, ouvir falar em plano de negócio já remete à idéia de “papelada inútil”, contudo, você deve encara-lo como uma negociação entre você e a realidade. Você pode começar baixando o modelo canvas ou partir para algo mais completo. A cartilha do SEBRAE é um bom ponto de partida. O importante é que você seja capaz de responder às perguntas difíceis que precisam ser respondidas. O plano de negócio é o melhor e mais prático meio de respondê-las.

Estabeleça um solido networking

Por mais que o empreendedor seja naturalmente autônomo, aprenda a criar relações que possam ser úteis para o futuro do seu negócio. Buscar ajuda com respeito e admiração pode te dar um resultado surpreendente. Procure conhecer outros empresários, empregados, fornecedores, consultores e clientes do mercado que você atende.

Seja um estudante do seu negócio

Leia. Muito. Entretanto, saiba distinguir o que é informação e o que é conhecimento. Divida seu tempo balanceando entre notícias do mercado e conhecimento de mercado. As notícias vão te dar material necessário para compreender as situações externas de curto e médio prazo. O conhecimento, originado do estudo concentrado, vai te dar expertise para melhorar processos, criar novos produtos e serviços e até se adaptar a situações no longo prazo.

Fique de olho no fluxo de caixa

Ter sua situação financeira em tempo real na ponta dos dedos é fundamental. Ela é o principal termômetro do seu negócio e manter uma atenção confortável no financeiro da sua empresa pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso.

Depois da atenção, procure entender todos os “por quês”. Por que as vendas cairam? Por que o custo aumentou? Por que houve aumento de devoluções? etc..

Use o mix de informação e conhecimento para analisar, entender e reagir a estas questões.

Outro ponto importante em relação ao fluxo de caixa é saber balancear o corte de custos com a qualidade do produto/serviço. Cada negócio tem seu próprio ponto e descobrir o seu deve ser prioridade máxima.

Se você gostou destas dicas, fique de olho em nosso blog e não esqueça de assinar nossa newsletter e compartilhar este artigo com seus colegas e amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *